Surfando no sofá

23 10 2009
encontro semanal do couch surfing em Atenas - Grécia

encontro semanal do couch surfing em Atenas - Grécia

Olá!

Já faz uns quatro meses que eu entrei pra rede social mais curiosa que há na internet, ao menosno meu ponto de vista: o couch surfing. Se você nunca ouviu falr aqui vai um resumo básico, trata-se de um portal de relacionamento entre pessoas que tem em comum o espírito livre e o prazer de viajar e compartilhar a experiência. gente do mundo inteiro se conecta para trocar informações sobre lugares, países e eventos e o mais legal tembém hospedam o viajante gratuitamente.

Funciona assim: você tem seu perfil, com muitos detalhes diga-se de passagem, onde os outros membros poderão saber mais sobre quem você é, o que gosta de fazer, que lugares já visitou, enfim uma ficha completa. Neste questionário inclui como é a sua casa se você tem a disponibilidade de hospedar alguém e por quanto tempo, se você mora longe ou perto das atrações de seu município e assim trocam-se experiências diversas.

Sim, a troca acontece de várias formas, você pode viajar pra qualquer lugar e tentar se hospedar na casa de um colega CSer, como eles, aliás, nós, nos denominamos, é só fazer uma pesquisa por exemplo: buenos aires, ver quem tem um cantinho disponível mandar uma solicitação simpática (é claro que você tem que enviar para pessoas que tenham algo em comum com você, pois ninguém merece hospedar um mala ou ficar na casa de alguém cheio de manias) e torcer pra resposta ser positiva. Eu posso afirmar que não exista coisa mais legal, tá certo que às vezes voê tem que dormir em sofá mesmo, ou num colchão no chão e até dividir a cama com um estranho, mas em compensação você acaba se tornando um local, e conhecendo coisas do lugar e da cultura que não seriam possíveis se hospedando de outra forma.

confraternização dos CSers em Praga - Rep. Tcheca

confraternização dos CSers em Praga - Rep. Tcheca

Outra vantagem do couch surfing é que sempre tem comunidades locais com eventos diversoso, onde sempre é possível contruir novas amizades. normalmente as comunidades de CSers tem encontros semanais onde hospedes e anfitriões se confraternizam, além de eventos como festas, partidas desportivas ou até mesmo, aulas grátis de línguas. É impossível ficar entediado quando você faz parte de um grupo assim.

E é claro você também pode “viajar” sem sair de casa recebendo hóspedes de outros estados ou estrangeiros, claro que para isso tem que ter no mínimo um inglês fluente, mas a diversão está garantida na certa, pois o intercâmbio nos faz crescer e também quebra um pouco a rotina da casa, e como você descreve suas “regras” em seu perfil é mais difícil que você não se identifique com seu hóspede.

Eu sei que pra alguns soa estranho receber um estrangeiro ou qualquer pessoa que nunca se viu em sua própria casa, tem até quem ache perigoso, mas tudo depende do sentimento de cada um. O couch surfing tem ferramentas que tentar diminuir o máximo de risco, como as referências, que você escreve e recebe de outros integrantes e como não podem ser apagadas se alguém pisar na bola fica com referência negativa e diminui muito suas chances de relacionar com outros integrantes do CS. Outra forma é a verificação de endereço. Quem faz o perfil tem que colocar o endereço e uns dias depois recebe uma espécie de cartão postal do couch surfing com um código, ao digitar esta senha em seu perfil automaticamente você fica com um síbolo verde de que seu endereço realmente é ou que você escreveu. Como não existe nada no mundo 100% seguro não posso afirmar que todos estão isentos de problemas, mas garanto que os prós são muito mais numerosos que os contras experimente: www.couchsurfing.org

na esquerda, Simon e Jeremy que estiveram hospedados comigo na Romênia na casa de Vlad e Herea (dir.)

na esquerda, Simon e Jeremy que estiveram hospedados comigo na Romênia na casa de Vlad e Herea (dir.)

Anúncios

Ações

Information

6 responses

23 10 2009
Raony

cs é muito massaaaaaaa

24 10 2009
Rodrigo

Eu me inscrevi lá, mas com o objetivo de hospedar algumas pessoas… Mas com o bebê, fica complicado.
Mas em breve pretendo fazer isso!

25 10 2009
Mil anos em um dia! « O viajante possível

[…] cheguei na casa do meu anfitrião já troquei de roupa porque tinha um compromisso com o pessoal do couch surfing (pra quem ainda não sabe é uma comunidade na Internet de pessoas que gostam de viajar e […]

25 10 2009
Kutná Hora até o osso! « O viajante possível

[…] estava subindo no busão e logo de cara encontrei três franceses que estavam comigo no encontro do couch surfing. dos três dois falam espanhol e inglês, o outro fala francês e inglês então foi uma misturada […]

28 10 2009
Carona: pegar ou não pegar? « O viajante possível

[…] que conheci em Praga num encontro do couch surfing, me disse que realmente teve dificuldades no Brasil, e que certa feita teve que ficar quase dois […]

29 11 2009
ps7

olá , acabei de me inscrever na comunidade e ainda não conheço muito das experiências do mesmo, mas de antemão me proponho a dar guarida temporária para viajantes. Eume interessei pelo assunto porque há algum tempo tenho tido vontade de manter contato com outras pessoas de países diferentes em função do meu trabalho, que é personalização de produtos diversos que dependem de equipamentos fabricados ,geralmente noutros países.
dessa forma posso talvez visitar estes países ou ter os equipamentos trazidos
de lá

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: